Como tratar do visto para a Turquia online

Não há muitos anos, a chegada ao aeroporto de Istambul era seguida por uma curta corrida até ao guichet onde se emitiam os vistos de entrada na Turquia. Pagava-se o montante pedido e o funcionário dava-nos um autocolante para colar no passaporte. Tudo tranquilo, exceto se houvesse muita gente à nossa frente. Nessa época, era a única alternativa.

Mais recentemente, as autoridades turcas começaram a permitir a emissão antecipada do visto online para cidadãos nacionais de uma série de países, Portugal incluído (os cidadãos brasileiros não podem usar o serviço, mas na verdade não precisam de visto para visitar a Turquia), facilitando a vida a milhões de turistas.

A três dias da minha partida para Istambul, fui então tratar do meu visto de entrada na Turquia online. E posso dizer que o processo é muito fácil e rápido – não terá demorado cinco minutos. O pedido de e-Visa deve ser feito com pelo menos 24 horas de antecedência em relação à chegada à Turquia, embora as autoridades aconselhem uma semana. Eu tratei do visto com 3 dias de antecedência e o mesmo foi-me atribuído instantaneamente.

Acedi a www.evisa.gov.tr, um portal gerido pelo Ministério nos Negócios Estrangeiros da Turquia. Introduzi os dados do passaporte, recebi uma mensagem de correio eletrónico para confirmar, paguei os 20 USD do visto com cartão de crédito e, instantaneamente, vi o pedido aprovado e enviado por email. Imprimi e levo-o comigo para Istambul, onde aterrarei no dia 9 de abril.

O visto é válido por 180 dias a partir da data de entrada indicada, e permite entradas múltiplas na Turquia.

Visto para a Turquia online
Página de entrada do site oficial e-Visa Turkey

 

Visto para a Turquia
Visto de entrada na Turquia autorizado.

 

Serve este post para alertar que, a partir do dia 10 de abril de 2014, precisamente no dia seguinte à minha chegada, os vistos de entrada na Turquia passam a ser obrigatoriamente tratados online. A informação é oficial e devem levar ao encerramento dos tais guichets nos aeroportos internacionais turcos. Repito: deixará de haver possibilidade de pedir o visto à chegada (visa on arrival) à Turquia a partir do dia 10 de abril de 2014.

Por isso, já sabes: se vais visitar a Turquia em breve, trata do visto online antes de partires.

Adenda: Por indicação do leitor Ricardo Valentim, a quem agradeço, acrescento que, pelo menos até ao final do ano de 2014, as autoridades turcas têm planeado um período de transição durante o qual haverá quiosques interativos nos aeroportos internacionais que permitirão a obtenção do visto à chegada. Na próxima quarta-feira confirmarei in loco a existência dos quiosques no aeroporto de Istambul.

Sugestão de hotéis em Istambul

 

Comentários

  1. Sara Norte says

    Estou com o mesmo problema. Vou viajar para a Turquia dentro de uma semana e estava agora a tratar do visto. Acontece que a minha filha menor não tem passaporte e o que sempre me disseram é que para entrar na Turquia não era necessário passaporte. Mas o visto pede os dados do passaporte… um que vi algures… e outro os dados de emissão do cartão do cidadão, que não tem. Será que tenho que tirar o passaporte agora para poder fazer o visto?

    • says

      Olá Sara,
      Eu julgo que neste momento é preciso passaporte para entrar na Turquia, mas posso estar enganado e por isso já perguntei a quem visita várias vezes ao ano a Turquia, a ver se te consegue ajudar com informação mais fidedigna.
      Abraço e boas viagens.

      • sara norte says

        Olá de novo Filipe. Estou ansiosamente à espera da tal resposta. É necessário visto? Li algures que desde abril… já não é necessário passaporte …mas daí a ser verdade é outra coisa. Ainda não consegui fazer o visto.
        HELP ME

        • says

          Boa tarde, Sara

          Vou há alguns anos à Turquia e sempre precisei de passaporte. A Turqui não faz parte a UE ou do Espaço Shengen.
          Já o visto, que até há algum tempo era emitido à chegada, agora é feito online, tal como o Felipe explica neste artigo.
          Mas mais uma vez: precisa de passaporte. Dá para fazer em 24h, paga “multa” mas antes isso que perder a viagem, penso eu 😉 e sempre é válido por 5 anos, pode ser uma boa desculpa para viajar mais :)
          Boa viagem, espero ter ajudado.
          Jorge

      • Sara Norte says

        Olá Filipe

        Depois de “sofrer um pouco” isto porque, para o prencimento da aplicação pedem a data de emissão e, como sabemos nos CC não há data de emissão. La fui a correr ao Registo Civil saber como fazer. Um dia perdido pois não existe e aconselharam a escrever a data do pedido do cartão mas sem se responsabilizarem. Afinal é contar os tais 5 anos para trás.

        Embora tenha feito isso, continuava a não dar e entrei em desespero. Pois na validação pedia sempre o nr do passaporte.

        Fui às agências: nas agências online e nas lojas de viagens também não tinham a certeza se era possível usar o CC. Visto só estarem a fazer com o Passaporte. Quando finalmente uma pessoa da loja conseguiu colocar todos os dados, não era possível efetuar o pagamento. Outra agência quis cobrar comissões, apesar de não saber se conseguiria ou não fazer com o CC.

        Liguei para a Embaixada da Turquia e finalmente fui tranquilizada. Sim, é possível usar apenas o CC. Mas…e agora o mais importante, caso não consigamos podemos sempre fazer o visto à entrada do país-Turquia. Sim, porque ainda continuam a usar esse sistema.

        Perguntei se não poderia ir à embaixada caso não conseguisse e forma muito simpáticos e disseram o seguinte: Era possível mas aconselharam a não porque: na embaixada o Visto ficaria por 60 euros, online ficaria por 15 euros e à entrada do país-Turquia ficaria por 25.

        Com calma respirei fundo e consegui… temos que ter em atenção os ((ªª ºº _ /.. )) pois afinal eram estes algorítmios que estavam a impedir de dar certo. Usem o ponto final (.) e o travessão de lado (/) é o melhor e …CONSEGUI!!!

        ESPERO TER AJUDADO QUEM ESTAVA A ENTRAR EM DESESPERO COMO EU.

        Agora vou nadar…para relaxar

  2. Elsa says

    Gostaria de ter encontrado esta informação antes de me ter aventurado até à Turquia! O que não aconteceu e parti sem visto no início de Março 2015! Apenas gostaria de deixar a minha experiência, pois à chegada foi-me permitida a emissão do visto, que custou cerca de 25USD. De qualquer forma, fica sempre mais barato (e seguro) tratar do visto com antecedência!

  3. Dario says

    Olá! Ao tentar requerer o visto é-me pedido a data de emissão do cartão do cidadão. No entanto essa informação não está impressa no cartão e não tenho forma de saber qual foi a data de emissão pois estou em Inglaterra agora. Como devo fazer?

  4. Raquel Moreira says

    Filipe mas para entrar na turquia preciso de passaporte ??? Ou posso apenas tratar do visto?

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *